ZN-FILOSÓFICA

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Reflexões Filosóficas Com os Patrões


(Competência ou Bajulação?)

Por: Claudio Fernando Ramos  Natal-RN, Agosto - 2012
                                                                Os competidores.

Existem dois tipos de empregados “ruins” (só um deles o é de fato): o preguiçoso e o gênio. Aquele está sempre aquém do tempo, da ordem e do espaço (nada encontra, porque nunca se achou); ao passo que este está além de todas essas limitações (pouco procura, porque muito vê). Compreender o vanguardismo deste é inexoravelmente melhor do que suportar a incompetência daquele. Portanto, quando fores contratar questione-se:quero aprender com o gênio ou me aborrecer com o preguiçoso? A resposta correta vai depender, obviamente, do quanto estás disposto a despender em remuneração e de qual forma relaciona-se com os dois bens mais preciosos da vida: a liberdade e a dignidade humana. Cacau ":¬)

                                                                   Os bajuladores