ZN-FILOSÓFICA

sábado, 31 de maio de 2014

I Clube do Livro da ZN (CLZN)



"Pois quem despreza o dia dos humildes começos, esse alegrar-se-á vendo o prumo na mão de Zorobabel." (Zc 4.10)




O versículo acima faz referência à comparação desfavorável que alguns estavam fazendo entre o glorioso templo de Salomão e o edifício mais modesto construído por Zorobabel.


Começamos! Foi tímido, mas nem um pouco desanimador! Nós e um pequeno número de jovens nos reun...imos nas dependências do CDF-ZN. Conversamos, sorrimos compartilhamos. Não sabemos ainda o local e o dia (será em julho) do próximo encontro, mas ele acontecerá. Se o número não for muito expressivo, como dessa vez, estamos pensando em uma livraria. Gostei muito! Até depois da Copa! Cacau “:¬) 

EM MEMÓRIA DE JB



Por: Claudio Fernando Ramos, 31/05/2014. Cacau “:¬)

Disponível em: http://www.brasil247.com/+forg0

Os juízes dizem, unanimemente, que o atual Presidente do Supremo Tribunal Federal, o Ministro Joaquim Barbosa, que anunciou sua prematura aposentadoria nessa semana (quinta 29), não será bem lembrado! Isso porque em sua gestão, ele cortou o diálogo e manteve uma postura antidemocrática. Ainda bem que toda unanimidade é Burra!

Endereço da reportagem: http://www.brasil247.com/+forg0

CORTOU O DIÁLOGO? Qual diálogo? Até onde eu saiba, só pode haver diálogo entre os iguais! Só para refrescar a memória dos não leigos, esse é, notoriamente, o país dos desiguais! Gostaria que algumas dessas figuras ilustres e notórias, citadas na reportagem, me dissessem por que o Brasil, a Injustiça e a Cara de Pau são, desde do nascimento, irmãos siameses? Será que não existe nenhum cirurgião gabaritado, nesse imenso país, para fazer essa atrasadíssima e super necessária separação de corpos? Até quando, semelhantemente aos aleijões, teremos que suportar esses pesos mortos em nossas costas?
  

POSTURA ANTIDEMOCRÁTICA? De qual democracia se está falando? A Democracia (governo do povo)dos gregos clássicos? Ou a República (coisa de todos) dos romanos clássicos? No primeiro caso só "os cidadãos" tinham voz e vez; no segundo caso, só os patrícios tinham real representatividade. Em outras palavras, o não grego e o não romano eram arrolados como bárbaros; quanto ao restante (escravos, mulheres, estrangeiros, crianças e plebeus) eram pouco mais do que nada! Como já sabemos, já faz muito tempo que isso aconteceu na Europa; pena que o mesmo ainda não possa ser dito sobre o Brasil! 


Democracia é um sistema político a ser desenvolvido! Às vezes é bem aplicada, às vezes não! Essas questões devem sempre levar em consideração as circunstâncias, as épocas, os países e as pessoas envolvidas no processo; por isso é sempre capcioso enxergá-la de forma absoluta ou como um fim em si mesma! Talvez JB não tenha agido democraticamente (poder de todos) por perceber, semelhantemente a todos os brasileiros, que por essas terras costumamos chamar de democracia, aquilo que democracia nunca foi (poder de uns).

Desculpe-me a franqueza, mas Joaquim Barbosa precisaria ser pior do que ele mesmo ao cubo, para então assim ser, quem sabe, comparado com vários outros ministros do Supremo Tribunal e com a maioria, se não a totalidade, dos Presidentes das Entidades de Classe dos Magistrados e Juízes desse país.


 Diferentemente do que possa parecer, não sou vedete do JB! Ele é apenas um homem, e como todos, demasiadamente humano para ser encarado, citado ou adorado como não sendo um. Porém, se os seus erros residem nos excessos cometidos, no afã de ver a justiça ser aplicada isonomicamente para todos, coisa que em nossa nação é raridade (Paulo Maluf que o diga); isso, nem de longe, o torna pior do que àqueles outros magistrados, quase sempre ufanistas e somente abertos ao diálogo entre seus “pares”. Esses ditos democráticos e dialogáveis Ministros, ao longo das décadas, quase sempre se mostraram demasiadamente morosos e convenientemente conservadores, quanto às reais necessidades dessa maculada, desprezada, assaltada e ridicularizada nação.


Diferentemente do que as ideologias de fundamentação oligarcas e aristocratas querem nos fazer crer, eu afirmo: ele fará falta como nenhum outro antes dele! É certo que sua saída irá mudar o perfil da Suprema Corte brasileira; porém, não há garantias alguma de que ela apresentar-se-á mais igualitária, justa e humana! Cacau “:¬)

sábado, 10 de maio de 2014

VOCÊ E O CLUBE DO LIVRO 2014





Você que gosta de ler ou tem vontade de tornar-se um leitor, está convidado para se juntar ao nosso evento (Clube do Livro) no próximo sábado (17/05/2014), nas dependências do CDF da zona norte (Conjunto Santa Catarina, próximo ao Supermercado Nordestão). A finalidade desse encontro, que será o primeiro de vários (um por mês), é a de fomentar a leitura na vida daqueles que possuem alguma dificuldade de engajamento; mas, sem esquecer os que já se deleitam com esse saudável e excelente hábito. Nesse encontro, livros poderão ser trocados, emprestados e vendidos (quem assim o quiser fazer); experiências serão compartilhadas, vídeos apresentados e palestra proferida (o romance: Com Anos de Solidão será o tema gerador). Venha, convide outros, traga seu livro (revistas, artigos e afins...), inteligência, experiência e imarcescível presença. O nosso encontro será das 15:00h às 17:30h. Esperamos você! Cacau “:¬)     

sexta-feira, 9 de maio de 2014

OS PARASITÁRIOS DEMÔNIOS DA DEMOCRACIA BRASILEIRA






Por: Claudio Fernando Ramos, 09/05/2014. Cacau “:¬)

 
Veja se dá para adivinhar: eles irão propor alguma outra grande figura para ocupar o executivo e o legislativo do nosso Estado ou, o que não é menos pior, eles proporão a si mesmos para essa “árdua”, “ingrata” e “penosa” tarefa?



Seja qual for a ação por eles deflagrada, uma coisa é certa: eles vencem sempre, mesmo quando perdem!


Esse polvo possui inúmeros e poderosos tentáculos!


Talvez, um dia, quem sabe, possamos cortar-lhe as ventosas, mas para isso precisaremos bem mais do que dores, abandonos, deboches, sarcasmos, descasos, revoltas... Tudo isso nós já possuímos em abundância!


Alguém falou que um homem, na condição de escravo, por um longuíssimo período de tempo, utilizando uma navalha, fez, caprichosamente, a barba do seu senhor. Por que, uma vez que nunca fora tratado com a dignidade que lhe era devida, jamais tentou cortar a garganta do seu algoz?


Eu respondo, pelas mesmas razões que nós nunca tentamos, de verdade, demover essa corja de parasitas, famílias inteiras, que décadas após décadas fazem conosco, o mesmo que os senhores faziam com os seus serviçais no passado; o mesmo que ACM e os seus fizeram e fazem com os baianos; o mesmo que Sarney e os seus fazem com os maranhenses; e por aí vai...


As razões que fomentam a revoltante paralisia subserviente do escravo barbeiro são, certamente, as mesmas que as nossas.


Passada a fantasia do espetáculo futebolístico em nosso país, uma dura realidade está guardada para essa nação: Eleições 2014.


Será uma outra competição,um verdadeiro jogo com cartas marcadas!


O “Demo” do termo democracia, que para os gregos significava povo (Cidadão), para nós brasileiros, em todos os rincões desse país, há muito que perdeu o seu original significado.


Sem querer fazer troça, a verdade é que o “Demo” da nossa democracia não nos remete ao povo e suas necessidades, mas aos Demônios e suas vaidades.  Cacau “:¬)     

terça-feira, 6 de maio de 2014

As desvantagens da ignorância


Por: Claudio Fernando Ramos 06/05/2014. Cacau ":¬)
 
Link do Vídeo:
https://www.youtube.com/watch?v=KcujZd3JDtg

Alguns, principalmente os pragmáticos, zombam e desprezam (os cursinhos da vida estão cheio deles, nos referimos não só ao corpo discente...). Uns poucos amam... A maioria ignora!
Esse documentário pode lhe a
judar, seja qual for a sua posição, contra ou a favor, indiferente ou apaixonado, a fundamentar a sua posição diante do mais antigo dos saberes depois dos mitos: a filosofia!
Alunos acostumados a aprenderem sem nenhuma ou pouca autonomia, ou seja, pensarem por conta própria, dizem não gostar da filosofia. Nos perguntamos: do jeito que a coisa anda, pode ser diferente? Bom, assista o vídeo e em seguida os debates promovido pelos professores de história, matemática, etc. Cacau ":¬)

domingo, 4 de maio de 2014

O POSITIVISMO (ESQUEMA DE AULA)



Adaptado por: Claudio Fernando Ramos 04/05/2014. Cacau “:¬)


1 – DEFINIÇÕES

“O amor como princípio, a ordem como base e o progresso como fim.” (Auguste Comte)

- Auguste Comte (1798-1857) definia sua filosofia como sendo positivista.

- Sua filosofia teve grande influência no mundo ocidental na segunda metade do século XIX.

- Influenciou o pensamento nacional na primeira metade do século XX.

- O positivismo acompanhou e estimulou a organização técnico-industrial da sociedade moderna.

- Fez uma exaltação otimista do industrialismo.

- Devoção à ciência, vista como:

·         único guia da vida individual e social,
·         única moral,
·         única religião possível.

- O positivismo é compreendido como a "religião da humanidade".

2 - CURSO DE FILOSOFIA POSITIVA

- A partir da ciência - ciência social ou sociologia, o filósofo propunha reformular a sociedade para que se obtivesse ordem e progresso.

- Isso implica a criação de uma ciência social, pois só é possível reformular ou transformar aquilo que conhecemos.

A obra fundamental de Comte é o "Curso de Filosofia Positiva", livro escrito entre 1830 e 1842, a partir de 60 aulas dadas publicamente pelo filósofo, a partir de 1826.

- É na primeira delas que Comte formulou a "lei dos três estados" da evolução humana:

• o estado teológico, em que a humanidade vê o mundo e se organiza a partir dos mitos e das crenças religiosas;

• o estado metafísico, baseado na descrença em um Deus todo-poderoso, mas também em conhecimentos sem fundamentação científica;

• o estado positivo, marcado pelo triunfo da ciência, que seria capaz de compreender toda e qualquer manifestação natural e humana.

- É inerente ao positivismo:
·         uma romantização da ciência,
·         atribuir ao conhecimento científico uma onipotência não comprovada pela realidade.

OBS:
·         A ciência não só resolve problemas, como também os cria.
·         O século XX nos “presenteou” com duas grandes guerras.

3 - POSITIVISMO NO BRASIL

- Conhecer o positivismo é importante aos brasileiros, devido à grande influência que esta escola filosófica exerceu no país na virada dos séculos 19 e 20.

- Ordem e o progresso, lema inscrito na bandeira brasileira adotada após a proclamação da República.

- As idéias de Comte, em especial através dos pensadores Miguel Lemos (1854-1917), Teixeira Mendes (1855-1927) e do militar Benjamin Constant (1836-1891), se impuseram aos círculos republicanos brasileiros.

- As ideias de Comte contribuíram para nortear a nova ordem social republicana, em especial nos governos Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto.